ESTUDO DIRIGIDO 

      IDEOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE NO BRASIL 

      (SAFIRA BEZERRA AMANN)

 

      METAMORFOSE DO DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE 

      (MARIÂNGELA BELFIORI WANDERLEY)

 

      MOVIMENTOS COMUNITÁRIOS E CIDADANIA 

      (VINI RABASSA DA SILVA)

 

      PROLONGAMENTO DA JORNADA DE TRABALHO 

      (JAIRO DIAS NOGUEIRA)

 

      METODOLOGIA Y PRÁCTICA DEL DESARROLLO DE LA COMUNIDAD

 (EZEQUIEL ANDER EGG)

 

01. QUAL O SENTIDO DE LEVAR AS COLÔNIAS A SE RESPONSABILIZAREM PELO 

      SEU PRÓPRIO GOVERNO ?

02. NO PROCESSO HISTÓRICO DE DC, O  QUE SIGNIFICA AUTO-GOVERNO ?

03. COMO SE DEU O PROCESSO DE ENCORAJAR O AVANÇO  ECONÔMICO

      TANTO QUANTO A  RESPONSABILIDADE POLÍTICA DOS PAÍSES SUBDESENVOLVIDOS

04. O QUE SIGNIFICA AS  COMUNIDADES  TEREM QUE  RECONHECER SEU PRÓPRIO POTENCIAL.

05. UM DOS ENTRAVES AO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO ERA A FALTA DE PARTICIPAÇÃO DE       

      DETERMINADAS CATEGORIAS SOCIAIS NO DESENVOLVIMENTO

      QUE CATEGORIAS ERAM ESSAS ?

06. SITUE HISTORICAMENTE  O QUE SIGNIFICA O ISOLAMENTO ESPACIAL DE DETERMINADAS REGIÕES

07. COMO SUPERAR OS CONTRASTES REGIONAIS QUANTO A NÍVEIS  DE DESENVOLVIMENTO

08. UTILIZANDO OS ELEMENTOS  TRABALHADOS, ELABORE UM CONCEITO DE COMUNIDADE

09  O SENTIDO DO CONCEITO DESENVOLVIMENTO É MUITO AMPLO. QUAIS OS ELEMENTOS FUNDAMENTAIS 

      DEVEM SER UTILIZADOS PARA A ELABORAÇÃO DE UM CONCEITO  ?

10.  O QUE É UMA INVESTIGAÇÃO PRELIMINAR ?

11. QUAL DEVE SER  A CARACTERÍSTICA DE UMA EQUIPE DE DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE ?

12. O QUE DEVE SER  ESTUDADO NO ITEM   OBSERVAÇÃO ?

13. COMO DEVEM SER OS PRIMEIROS PROJETOS DE DC ?

14. O QUE SIGNIFICOU O  PROCESSO INDUSTRIAL ?

15. PORQUE A ONU SE PREOCUPOU COM  O DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE ?

16. QUAL FOI A PRIMEIRA INTERVENÇÃO DOS ÓRGÃOS INTERNACIONAIS EM DC.

17. A POBREZA É UM ENTRAVE AO DESENVOLVIMENTO , PORQUE ?

18. EXISTE DIFERENÇA ENTRE  DESENVOLVIMENTO E PROCESSO ?

19.  QUAL O SIGNIFICADO DA SEGUNDA GUERRA NO PROCESSO DE 

       DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE ?

20. QUE IMPORTÂNCIA TEVE OS INTELECTUAIS COM O DC ?

21. O QUE SIGNIFICA MEB E QUAL SUA IMPORTÂNCIA PARA O PROCESSO DE DC ?

22. IDENTIFIQUE OS INTELECTUAIS QUE CONTRIBUÍRAM PARA O

     PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE DE NO   BRASIL NAS ÁREA: 

     ECONÔMICA - CULTURAL - SOCIAL - POLÍTICA

23. O TRABALHO DAS PROFESSORAS VINI, ADELINA,  JAIRO, MARA E CRISTINE 

      FORAM DIRECIONADOS PARA AS   NOSSAS COMUNIDADES, DE PELOTAS E DA REGIÃO

     QUAIS OS TRABALHOS SIGNIFICATIVO REALIZADO POR ESSES ASSISTENTES  SOCIAIS ?

24. QUAL A RELAÇÃO DO LIVRO: O PROLONGAMENTO DA JORNADA DE TRABALHO,

     DO PROFESSOR JAIRO NOGUEIRA COM O PROCESSO DE  DC ?

25. QUAL A RELAÇÃO HISTÓRICA VIVIDAS NOS PERÍODOS PÓS-GUERRAS E 

      A  SITUAÇÃO ATUAL DE GUERRA ENTRE OS ESTADOS UNIDOS E O IRAQUE ?

 

 

 

CARACTERÍSTICAS DO VIVER POPULAR

 

A análise do processo de Desenvolvimento de Comunidade, nos leva a uma reflexão bastante crítica das condições sociais vividas pela grande maioria das pessoas  no nosso País e no mundo.

 Com o objetivo de dinamizar as aulas , trabalhamos, elencamos  e refletimos sobre  algumas  que envolve o nosso cotidiano.

 Pitorescas ou não são formas de economia doméstica e/ou de praticidade vividas pelas pessoas.

(Você pode enviar sugestões, através do e-mail  nogueira@radar-rs.com.br)

 

 

01.    Andar com aquela carteira profissional ensebada no bolso de trás;

02.    Abrir tubo de pasta de dente com tesoura para aproveitar o restinho que sobrou;

03.    Acordar cedo no domingo pra lavar o carro antes que a água acabe;

04.   Almoçar domingo na casa da sogra só para economizar.

05.    Amarrar o cachorro com fio de luz;

06.    Amarrar perna de óculos com arame ;

07.    Amarrar perna de óculos com esparadrapo branco.

08.    Andar pendurado na porta do ônibus;

09.    Anotar recado de telefone em papel de pão.

10.    Apertar parafuso da antena de TV com faca de ponta redonda, porque a chave de

         fenda está sendo usada para travar o vidro do carro.

11.    Aproveitar garrafa plástica de refrigerante pra botar água na geladeira;

12.    Aproveitar sobra de carpete para fazer tapete.

13.   Calçar o sofá sem perna com tijolo;

14.   Colar dinheiro com durex ou fita isolante, deixando aquela faixa;

15.   Colar o pivô com super bonder para não ter que ir ao dentista.

16.   Colocar arranjo de fruta de plástico na mesa da sala.

17.   Colocar bombril na antena da televisão;

18.   Colocar copo de água em baixo da cama e da mesa para as formigas não subirem;

19.   Colocar garrafa plástica de refrigerante com água em cima do contador de luz pra diminuir a conta

20.    Colocar maio e biquíni e tomar sol na represa;

21.    Colocar papel com álcool no sapato para amaciar;

22.    Colocar plástico em cima do telhado para evitar goteira.

23.   Comprar carne de segunda e dizer que é para o cachorrinho.

24.   Comprar carro novo e não tirar o plástico dos bancos, pra todos saberem que é novo;

25.   Comprar churrasquinho com vale transporte;

26.   Consertar tira de sandália havaiana com grampeador;

27.   Convidar amigos para o churrasco de seu aniversário e pedir pra cada um trazer 

        uma coisa (carvão, espeto, carne, etc.);

28.   Copiar modelo inteiro da vitrine para depois fazer em casa.

29.   Correr a casa inteira com o chinelo na mão atrás da barata.

30.   Dar uma festa e pedir mesa e cadeira para o vizinho;

31.   Decorar o muro do quintal com plantas em lata de óleo, leite em pó e tijolo;

32.   Decorar vasos com flor desidratada e de plástico;

33.   Deixar a bacia em cima da cama antes de ir pro trabalho para se caso chover, a goteira não molhar a cama;

34.   Deixar o carro na garagem e pedir carona para o vizinho, alegando estar em pane.

35.   Em dia de chuva amarrar saco plástico em volta do sapato para não molhar;

36.   Embrulhar caixa de fósforos com papel de presente para pendurar em árvore de natal;

37.   Enfeitar estante da sala com lembranças de casamento.

38.   Enrolar, ao contrário, bobina de máquina de calcular para aproveitar o outro lado;

39.   Entrar em loja de R$ 1,99 e querer achar um presente legal.

40.   Entrar na sessão de carne do supermercado e ir direto pro balcão de pelancas;

41.   Escrever na lataria de carro sujo: "LAVE-ME, POR FAVOR";

42.   Esperar todo mundo da casa usar o banheiro para dar descarga só uma vez;

43.   Esquentar pão de 10 dias no microondas, servir para a visita e dizer "Tá quentinho, acabei de trazer da padaria";

44.   Esticar a língua para lamber o fundo do copo de iogurte.

45.   Fazer a barra da calça com fita crepe;

46.   Fazer jogo de futebol com os times "camisa" X "sem camisa";

47.   Fazer pacote com bolo e brigadeiro pra entregar na saída do aniversário;

48.   Ficar balançando lâmpada queimada para ver se volta a funcionar;

49.   Ficar com fome durante a ponte aérea, não comer nada e levar o lanche para a esposa;

50.   Ficar discutindo com os amigos quantas barbas da pra fazer com uma lâmina;

51.   Fingir que está dormindo no ônibus para não dar lugar a quem está de pé;

52.   Forrar palmilha com jornal para não passar frio no pé;

53.   Gritar pela janela do ônibus para o amigo e ele fingir que não te ouviu;

54.   Guardar aqueles cacarecos em cima do guarda-roupa;

55.   Guardar caixinhas de pasta Kolynos e esperar pela promoção;

56.   Guardar refrigerante com colher pendurada na boca, pra não perder o gás;

57.   Guardar resto de macarronada pra fazer sopa no outro dia;

58.   Guardar sobra de material de construção em cima da laje;

59.   Guardar sobras de sabonete para depois fazer uma bola só.

60.   Guardar sobras de sabonete pra depois fazer uma bola só;

61.   Guardar vinho velho para fazer vinagre;

62.   Invadir a roda de amigos para contar a piada do não nem eu;

63.   Ir ao banheiro e fazer bola de papel molhado para jogar no teto;

64.   Ir ao estádio de futebol, entrar pela geral e pular para as sociais;

65.   Ir embora do restaurante que não aceita seu ticket.

66.   Ir à praia em dia de chuva e levar toda a família;

67.   Ir pro trabalho de bicicleta e dizer que é pra manter a forma;

68.   Jogar algodão na árvore de natal para dar efeito de neve.

69.   Jogar algodão na árvore de natal para dar efeito de neve;

70.   Lamber a tampa metálica do iogurte;

71.   Lamber ponta de borracha para apagar erro.

72.   Lavar fralda descartável com pinho sol para usá-la novamente;

73.   Levantar a noite com sede e tomar água da pia do banheiro com a mão

74.   Levar material escolar em saco de açúcar União em dia de chuva;

75.   Mascar chiclete 3 horas seguidas até ficar branco e sem gosto.

76.   Na hora do rango brigar coma mãe por causa da mistura;

77.   Palitar dente com palito de fósforo, apontado com faca do almoço suja de feijão;

78.   Passar cuspe no cotovelo ressecado para amaciar;

79.   Passar final de semana na calçada tomando cerveja e comendo churrasco;

80.   Passar miolo de pão no pote de margarina e prato de macarrão e mandar para baixo;

81.   Passar o fio dental e depois cheirar para ver se o dente está podre;

82.   Passar óleo queimado no cachorro para acabar com a sarna;

83.   Passar pomada de Minancora nas espinhas e sair com a cara toda branca;

84.   Pedir para o garçom colocar a sobra num marmitex para levar para casa.

85.   Pedir para o marido ir ao supermercado comprar pouca coisa e mandar ele trazer sacola plástica pra botar no lixo;

86.   Pedir pro cobrador do ônibus passar dois na roleta;

87.   Pedir pro filho ficar abanando o churrasco com tampa de caixa de sapato;

88.   Pegar o ônibus errado, ir até o ponto final para não desperdiçar dinheiro;

89.   Pendurar papel higiênico na parede com arame;

90.   Pendurar rolo do papel higiênico na parede com arame.

91.   Pentear bigode e costeleta enquanto anda pela rua;

92.   Pisar em sujeira de cachorro e limpar no meio fio;

93.   Raspar com a colher ou com o dedo o copo de iogurte para tomar o restinho que ainda ficou;

94.   Receber visita e mostrar a casa toda;

95.   Regar as plantas de casa com panela;

96   Remendar coador de pano;

97.  Rifar caixa de chocolate e dizer que é ação entre amigos;

98.   ir correndo pra pegar o ônibus que já está saindo do ponto;

99.  Secar tênis atrás da geladeira;

100  Subir na laje para mexer na antena e ficar gritando lá de cima: "- Melhorou?";

101.  Tirar cadarço do sapato do pai e cortar ao meio para fazer dois para o tênis do filho.

102  Tomar Martini ou cerveja  em copo de plástico.

103  Usar calça social com tênis.

104  Usar fundo de garrafa descartável pra colocar plantas;

105  Usar gravata colorida e com estampa de bichinhos só pra dizer que é publicitário;

106  Usar o único ticket que o restaurante não aceita;

107  Usar ombrera para esconder a rampa do ombro;

109  Usar pôster de carro importado para esconder mancha de umidade na parede;

110  Usar pregador de roupa para manter fechado saco de açúcar, arroz, farinha, etc.

111  Usar prendedor de roupa para manter fechado o saco de açúcar, arroz, farinha, etc.

112  Usar prendedor de roupa para pendurar recado no trinco da porta.

113  Usar resto de sabão para tapar vazamento de gás;

114  Usar saco de arroz Tio João para encapar material escolar dos filhos;  

115 Usar a vassoura para acender luz fluorescente

 

 

LIÇÕES DA IDADE, PARA REFLETIR TAMBÉM...

-Aprendi que peixinhos dourados não gostam de gelatina. (5 anos)

-Aprendi que gosto de minha professora porque ela chora quando cantamos "Noite Feliz". (7 anos)

-Aprendi que meu pai pode dizer um monte de palavras que eu não posso. (8 anos)

-Aprendi que minha professora sempre me chama quando eu não sei a resposta.(9anos)

-Aprendi que se pode estar apaixonado por 4 garotas ao mesmo tempo.(9 anos)

-Aprendi que os meus melhores amigos são os que sempre me metem em confusão.(11 anos)

-Aprendi que se tenho problemas na escola, tenho mais ainda em casa. (11 anos)

-Aprendi que quando meu quarto fica do jeito que quero, minha mãe manda eu arrumá-lo. (13 anos)

-Aprendi que aquele grafite que eu quebrei brincando é o que vai me faltar na aula de Matemática. (15 anos)

-Aprendi que não se deve descarregar suas frustrações no seu irmão menor, porque seu pai tem frustrações maiores e mão mais pesada. (15 anos)

-Aprendi que os grandes problemas sempre começam pequenos. (20 anos)

-Aprendi que nunca devo elogiar a comida de minha mãe quando estou comendo alguma coisa que minha mulher preparou. (27 anos)

-Aprendi que se pode fazer num instante algo que vai lhe dar dor de cabeça a vida toda. (28 anos)

-Aprendi que para todo o lugar que vou, os piores motoristas me seguem. (29 anos)

-Aprendi que quando minha mulher e eu temos, finalmente, uma noite sem as crianças, passamos a maior parte do tempo falando sobre elas. (29 anos)

-Aprendi que casais que não tem filhos, sabem melhor como você deve educar os seus. (29 anos)

-Aprendi que é mais fácil fazer amigo do que se livrar dele. (30 anos)

-Aprendi que não se deve casar com alguém que tenha mais problemas do que você. (31 anos)

-Aprendi que quando deixo cair uma fatia de pão com geléia, ela cai sempre com a geléia para baixo. (33 anos)

-Aprendi que mulheres gostam de ganhar flores, especialmente sem nenhum motivo. (33 anos)

-Aprendi que não cometo muitos erros com a boca fechada. (34 anos)

-Aprendi que existem duas coisas essenciais para um casamento feliz: contas bancárias e banheiros separados. (36 anos)

-Aprendi que se quiser ser convidado a festas, tenho que dá-las. (38 anos)

-Aprendi que toda a vez que estou viajando gostaria de estar em casa e toda vez que estou em casa gostaria de estar viajando. (38 anos)

-Aprendi que a época que preciso realmente de férias é justamente quando acabei de voltar delas. (38 anos)

-Aprendi que você sabe que sua esposa o ama quando sobram dois bolinhos e ela pega o menor.(39 anos)

-Aprendi que nunca se conhece bem os amigos até que se tire férias com eles. (41 anos)

-Aprendi que não adianta comprar ferramentas caras, se você nunca pode achá-las. (41 anos)

-Aprendi que se você está levando uma vida sem fracassos, você não está correndo riscos o suficiente. (42 anos)

-Aprendi que casar por dinheiro é a maneira mais difícil de conseguí-lo. (42 anos)

-Aprendi que quando você marca hora no médico as oito horas da manhã, você ainda tem que esperar uma hora. (42 anos)

-Aprendi que a pessoa que afirma que alguma coisa não pode ser feita, freqüentemente é interrompida por alguém que está fazendo. (43 anos)

-Aprendi que gravatas de seda caras são as únicas que atraem molho de espaguete. (44 anos)

-Aprendi que você pode fazer alguém ganhar o dia simplesmente mandando-lhe um pequeno cartão. (44 anos)

-Aprendi que quando usar a furadeira, a broca que preciso é exatamente a broca que está faltando. (45 anos)

-Aprendi que você pode enrolar por quinze minutos. Depois disso é melhor que saiba alguma coisa. (46 anos)

-Aprendi que a qualidade de serviço de um hotel é diretamente proporcional a espessura das toalhas. (46 anos)

-Aprendi que crianças e avós são aliados naturais. (47 anos)

-Aprendi que se você quer saber quem manda numa família, é só observar quem toma conta do controle remoto da TV. (48 anos)

-Aprendi que se você cuidar bem de seus empregados, eles cuidarão bem de seus clientes. (49 anos)

-Aprendi que o homem tem quatro idades:
(1) quando acredita em Papai Noel,
(2) quando não acredita em Papai Noel,
(3) quando é o Papai Noel e
(4) quando se parece com Papai Noel. (51 anos)

-Aprendi que quando chego atrasado ao trabalho, meu patrão chega cedo. (51 anos)

-Aprendi que quando você contrata pessoas medíocres, eles vão contratar pessoas medíocres. (53 anos)

-Aprendi que o objeto mais importante de um escritório é a lata de lixo. (54 anos)

-Aprendi que "um momentinho" no telefone pode ser incluído entre as coisas mais abomináveis do planeta. (55 anos)

-Aprendi que é impossível tirar férias sem engordar cinco quilos. (55 anos)

-Aprendi que é legal curtir o sucesso, mas não se deve acreditar muito nele. (63 anos)

-Aprendi que não posso mudar o que passou, mas posso deixar pra lá. (63 anos)

-Aprendi que a maioria das coisas com que me preocupo, nunca acontecem. (64 anos)

-Aprendi que todas as pessoas que dizem que "dinheiro não é tudo" geralmente têm muito. (66 anos)

-Aprendi que se você espera se aposentar para começar a viver, esperou tempo demais. (67 anos)

-Aprendi que nunca você deve ir para cama sem resolver uma briga. (71 anos)

-Aprendi que quando as coisas vão mal, eu não tenho que ir com elas. (72 anos)

-Aprendi que envelhecer é importante se você é um queijo. (76 anos)

-Aprendi que tenho muito a aprender. (92 anos)

(Autor Desconhecido)

Enviado por Julio C. Rodighero, Caçador - SC